Connect with us

Notícias

Prefeito afastado de Bayeux permanece recebendo salário de mais de R$ 20 mil

Postado

em

Berg Lima, prefeito de Bayeux, Região Metropolitana de João Pessoa, foi preso acusado de corrupção passiva e peculato numa ação do Ministério Público da Paraíba (MPPB), no dia 5 de julho de 2017. Berg foi filmado recebendo dinheiro de um empresário, fornecedor da Prefeitura de Bayeux.

O Sagres do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) informa que Berg Lima permanece recebendo o salário de prefeito sem trabalhar. Berg chegou a ficar 146 dias preso no 5º Batalhão da Polícia Militar sem prestar expediente.

O sistema constatou que Berg Lima recebeu todos os meses o salário de mais R$ 20 mil, sem existir nenhum impedimento para bloquear o pagamento dos valores, tendo em vista que Berg Lima permanece afastado das funções.

Só em abril de 2018, o município de Bayeux efetuou o pagamento salarial a três [3] prefeitos em uma única vez, sendo; Berg Lima, Luiz Antônio e Noquinha.

Blog do Galdino

Advertisement