Lira prefere não opinar sobre novas eleições em possível afastamento de Temer

O senador Raimundo Lira (PMDB) declarou que o país enfrenta uma situação difícil, disse que é necessário aguardar os próximos dias, para termos dimensão do rumo que o Brasil irá seguir. As declarações ocorreram durante entrevista ao Portal Mais PB, nesta terça-feira (23).
Mesmo com as manifestações populares, Lira afirmou que as possíveis mudanças no Governo Federal haverá conforme as leis do país. “Nada ocorrerá fora da Constituição e do sistema democrático brasileiro”, disse.
Lira afirmou que é necessário dialogar com o povo, declarando que o país tem órgãos estabelecidos de amplitude, “O Brasil é um país democrático, termos que ouvir a sociedade na amplitude e o que pode acontecer, portanto”, reafirmando que o processo ocorrerá dentro da Constituição brasileira.
No entanto, Lira não entrou no mérito de opinar sobre eleições direta ou indireta, num eventual afastamento do presidente Michel Temer, investigado pelo STF, em envolvimentos com a JBS.
“Eu não posso ainda dar opinião sobre suposições. O que digo é que aguardemos os acontecimentos”, declarou.  
Blog do Galdino/Mais PB