Raniery lamenta morte de Maranhão e confessa que o líder do MDB sempre foi uma inspiração política

O deputado estadual Raniery Paulino (MDB) lamentou a morte do senador José Maranhão (MDB) na noite desta segunda-feira (08). O ex-governador estava internado no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, onde lutou 71 dias contra a COVID-19. Natural de Araruna, Maranhão morreu aos 87 anos e deixa a esposa e dois filhos.

Leia: Morreu aos 87 anos o senador e ex-governador José Maranhão

Raniery sempre demonstrou respeito ao senador, confessando se “inspirar” politicamente no líder do MDB paraibano.  Conforme Raniery, Maranhão lhe deixou ensinamentos e pretende repassá-los para ás novas gerações. O parlamentar lamentou a morte do “amigo”, afirmando que o seu dia foi de “gratidão”.

“Meu líder, uma das grandes referências na minha vida em quem me inspiro. Aprendi muito com Zé Maranhão e estas lições quero repassar para as novas gerações. Neste momento há uma mistura de sentimentos dentro do meu coração, mas há um sentimento que se sobressai, o da gratidão pela consideração de sempre. Segura na mão de Deus e vai meu amigo, meu líder”, lamentou Raniery.

Blog do Galdino