Regulamentação de novos índices da CIP de Guarabira é reprovada pelos vereadores

O público acompanhou a sessão que gerou a reprovação da CIP (Foto: Reprodução/Jota Alves).

O Projeto de Lei que regulamenta novos índices de Contribuição da Iluminação Pública de Guarabira (CIP) foi reprovado pela Câmara Municipal. A votação aconteceu na tarde desta terça-feira (12) no auditório da sede da OAB, Subseção de Guarabira. A CIP recebeu sete votos contrários e seis favoráveis.

O Projeto de Lei recebeu uma emenda modificativa de autoria do vereador Marcos de Enoque (PSDB), onde pretendia isentar moradores que consomem de 0 a 100 kW. Se aprovado, mais de 10 mil residências seriam beneficiadas com os novos índices da CIP.

Votaram favoráveis a CIP, os vereadores Tiago do Mutirão, Renato Toscano, Marcos de Enoque, Luciano do Bolo, Leonardo Macena e Elias Filho. O PL foi reprovado com os votos de Renato Meireles, Michel do Empenho, Wilson Filho, Saulo de Biu, Zé Ismai, Michele Paulino e Neide de Teotônio.

A sessão contou com a segurança de policiais do 4º Batalhão da Polícia Militar de Guarabira. Devido às polêmicas entorno da discussão, os parlamentares solicitaram a presença da polícia.

Blog do Galdino