Secretaria de Saúde de Cuitegi emite nota negando suposta negativa à cidadão

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Secretaria de Saúde do Município de Cuitegí, vem por meio deste elucidar os acontecimentos referentes a uma suposta negativa de acesso à saúde por parte do município.  Deste modo, o fato é que nas redes sociais e em denúncias feitas na rádio local, há rumores de uma situação em que alegam que a Secretaria de Saúde de Cuitegí em conjunto com Prefeitura teriam negado o fornecimento de ajuda de custo nos medicamentos para diabetes, porém, entende-se que em qualquer órgão público deva-se seguir protocolos burocráticos, como licitações, para fazer aquisição de materiais, bem como medicamentos.

Entende-se também, que a pessoa envolvida, ao procurar os órgãos gestores fez a solicitação de um aparelho sensor que mede a glicemia de seu filho, alegando também que a gestão anterior lhe fornecia tal aparelho, entretanto, ao entrar em contato com a antiga gestão da saúde, nos foi repassado que o material mencionado nunca fora fornecido pelo município e sim, doado por uma pessoa de forma particular.

Nesse contexto, a reposição quinzenal do sensor do aparelho é de valor acima do limite disponível para a manutenção da Atenção Básica Individual do município, considerando que existem cerca de 80 pessoas com diabetes em Cuitegí EM TRATAMENTO JUNTO À SECRETARIA DE SAÚDE, sendo a todas fornecidas o aparelho de medição de glicemia convencional, medicamentos e acompanhamento profissional.

Assim como, 261 pessoas com diabetes na totalidade da população local, analisando os fatos de um quadro geral, nunca foi negado atendimento a nenhum paciente, essa Secretaria não mede esforços para atender as demandas da população, porém respeita sua capacidade financeira.

Logo, pode-se afirmar que a forma como a equipe de saúde no município se disponibiliza a acompanhar seus usuários é de forma IGUALITÁRIA, levando em consideração que todo cidadão cuitegiense tem DIREITO DE ACESSO À SAÚDE, nos disponibilizamos em conversa com a mesma a tentar sanar o problema, porém, em conformidade com as leis e com toda a transparência devida.

Portanto, a Secretaria de Saúde do Município sempre se disponibilizou e continua se disponibilizando para contribuir com os devidos tratamentos de seus usuários, a medida de suas possibilidades, caso não alcancemos soluções, encaminharemos aos órgãos superiores, ou seja, a Secretaria de Saúde do Estado da Paraíba.

Agradecemos a compreensão de todos!

Da Assessoria